Pages

3 de abr de 2010

A bela rotina

Após esta ausência prolongada logo no início do blog, devo dizer que sofro do "mal do abandono virtual", estou tentando perdê-lo, mas é difícil haha... Talvez seja porque os estudos tomam bastante tempo e o restante tiro para descansar fora deste mundo... Acabo caindo em certa rotina... O que, normalmente, pareceria um tédio: De segunda-feira até sexta-feira, tenho atividades para fazer, saio de Torrinha 5 horas da tarde, inicio as aulas em Bauru 7 horas da noite, e só encontro minha cama novamente 1 hora da manhã.

5 dias por semana, mesmo horário, mesmo trajeto, mas nunca a mesma viagem.
Sento em uma poltrona confortável, coloco meus fones no ouvido, mantenho meus olhos atentos e o espetáculo começa, o protagonista sempre usa um trunfo: a surpresa. Por vezes, joga cores fortes, faz o sol brilhar, contrasta o rio e o verde ao redor, depois deixa cair somente cores quentes para criar um clima gostoso que desperta a vontade de deitar numa rede e se refrescar naquela água. Outras vezes ele se esconde por tantas nuvens, mas não deixa de ser uma bela vista e desperta a vontade de andar na terra molhada, tomando um chocolate quente... Não importa o clima, ele tem sempre o capricho de não deixar um dia ser igual ao outro. Produz novas cores, destaca lugares diferentes, na hora da volta faz um show de luzes brilhantes e quando estas não aparecem, chora e molha todo o vidro dificultando uma visão mais profunda, mesmo assim, é magnífico... Produz tantos efeitos colaterais: admiração, inspiração, vontades comuns, desejos loucos... Faz com que o tempo voe mesmo parecendo ter parado, embala sonos e desperta sentimentos...
Eu agradeço sempre por poder ter sua companhia ;D

Cada dia procuro uma nova magia, e o céu nunca me desaponta ;)

14 de mar de 2010

Saudações e explicações ;)

Olá,

Primeiramente, devo dizer que não levo muito jeito com blog (ainda), diria que isto é bastante irônico, já que sou estudante de Jornalismo e escrever é uma atividade que aprecio muito, mas é que este é um meio diferente, você escreve para qualquer pessoa, mesmo que tenha um público alvo em mente... Pode contar histórias, inventar poemas, colocar a letra de uma música, pensar 'alto', transmitir sentimentos, trazer a tona aquele texto que há muito está guardado ou que acabou de 'nascer', e assim agradar alguns e ser tediante para outros, o que é inevitável; o que seria do morango se todos gostassem só da maçã?

Por falar nisso, acho conveniente explicar este meu título...

Estava viajando e ouvindo boas músicas, com o pensamento longe, destaca-se a frase na voz de Frejat: "com sabor de fruta mordida...", opa, ficou estagnada em minha mente, refletindo deduzi que seria interessante para o blog, já que é algo que irei compartilhar com vocês, e cada um dará a sua 'mordida'... Tentarei agradar os mais variados gostos, mas será sempre um sabor de fruta mordida...